sábado, 11 de agosto de 2012

Cadê o Ney? cadê o Mar? O fumo entra! Brasil decepciona, perde para o México e fica com a prata no futebol masculino

Peralta, com dois gols, foi o carrasco brasileiro na decisão dos Jogos Olímpicos de Londres 2012




México derrota o Brasil e fica com o ouro no futebol

Do R7
O Brasil vai continuar na fila. Neste sábado (11), em Wembley, com atuação decepcionante e um gol relâmpago sofrido, a seleção brasileira perdeu por 2 a 1 para o México na final do futebol masculino nos Jogos Olímpicos de Londres e amargou a medalha de prata. Os dois gols foram marcados pelo atacante Peralta, novo carrasco brasileiro. Hulk descontou nos acréscimos.
Foi a terceira vez em sua história que a seleção brasileira foi derrotada em uma decisão olímpica. O vice-campeonato já havia ocorrido em Los Angeles 1984, com revés para a França, e em Seul 1988, ao perder para a União Soviética.
Desta vez, porém, foi mais frustrante. Isso porque o Brasil era favorito absoluto a vencer. Conta, em sua equipe, com jovens badalados e envolvidos em transações milionárias. Contudo, faltou jogar bola. Foi um time confuso e nervoso, sem um mínimo de padrão em plena final olímpica.
Romário detona Mano: 'Espero que não volte mais'
Cosme Rímoli: Peralta ofusca Neymar e Oscar
Algo que sobrou no México. Sem Giovani dos Santos, sua principal estrela, a equipe mexicana foi solidária e deu um banho tático e de vontade no Brasil, ampliando a recente freguesia. Dos últimos 11 confrontos entre os times, os mexicanos venceram seis, empataram dois e perderam somente três.
Primeiro tempo sofrível da seleção brasileira
Quem ainda estava se acomodando no assento de Wembley perdeu o gol do México. Aos 28 segundos, Rafael se enrolou, deu passe na fogueira para Sandro e Peralta roubou a bola. O chute saiu rasteiro, no canto direito de Gabriel. Festa mexicana em Londres.
A seleção brasileira assimilou o golpe. O México sentiu isso e marcou pressão durante toda a primeira etapa, sufocando a equipe de Mano Menezes. Sem saída de bola, o time canarinho se limitou um bom período a chutões em busca de Leandro Damião.
Por que o Brasil perdeu o ouro?
Vendo sua equipe perdida e completamente dominada, Mano Menezes mexeu ainda no primeiro tempo. Aos 31min, tirou Alex Sandro e colocou Hulk, voltando ao esquema com três atacantes. O jogador tentou incendiar a partida e, aos 37min, acertou violento chute de fora da área, defendido com dificuldade por Corona.
A única boa jogada do Brasil nos 45min iniciais aconteceu aos 40min. Leandro Damião, pela primeira vez, conseguiu segurar a bola e prender um zagueiro. Fez o trabalho de pivô e rolou para Marcelo, que chutou com perigo para fora.
Peralta liquida a partida para o México
O segundo tempo começou dando a falsa impressão de que o Brasil reagiria. Neymar deu sinais de que estava mais aceso, procurando o jogo e sendo parado com faltas. Mas foi só. Os erros persistiram e o México sempre foi mais perigoso.
Para se ter ideia da péssima jornada brasileira, até mesmo o capitão Thiago Silva vacilou. Aos 18min, foi desarmado dentro da grande área e Fabian acertou o travessão. O mesmo Fabian quase marcou aos 26min, quando Gabriel saiu mal e o jogador cabeceou raspando a trave.
Mano Menezes tentou mudar algo no apático time e tirou Sandro, colocando Alexandre Pato, aos 27min. Três minutos depois, Peralta subiu sozinho na área brasileira e ampliou o marcador.
No fim, Rafael e Juan bateram boca em campo, retratando o desespero brasileiro. O lateral-direito foi substituído por Lucas. Nos acréscimos, Hulk ainda descontou. Em seguida, Oscar, sozinho na pequena área, cabeceou para fora o sonho do Brasil.

O R7 transmite os Jogos Olímpicos de Londres ao vivo, em cinco canais exclusivos, 24 horas por dia. E durante os Jogos, além da transmissão ao vivo e com sinais exclusivos, você encontra no portal os vídeos de todos os melhores momentos da maior disputa esportiva do mundo. Até o dia 12 de agosto, Olimpíada é no R7, Record e Record News, os canais oficiais de Londres.
FICHA TÉCNICA
BRASIL 1 x 2 MÉXICO

Local: Estádio de Wembley, em Londres (Inglaterra)
Data: 11 de agosto de 2012, sábado
Horário: 11 horas (de Brasília)
Público: 86.162 pessoas
Árbitro: Mark Clattenburg (Inglaterra)
Assistentes: Stephen Child e Simon Beck (ambos ingleses)
Cartões amarelos: Marcelo (Brasil); Vidrio, Reyes e Israel Jiménez (México)
Gols: BRASIL: Hulk, aos 46 minutos do segundo tempo
MÉXICO: Peralta, aos 30 segundos do primeiro tempo e aos 30 minutos do segundo tempo.
BRASIL: Gabriel; Rafael (Lucas), Thiago Silva, Juan e Marcelo; Sandro (Alexandre Pato), Rômulo, Alex Sandro (Hulk) e Oscar; Neymar e Leandro Damião
Técnico: Mano Menezes
MÉXICO: Corona; Israel Jiménez (Vidrio), Mier, Reyes e Chávez; Enríquez e Salcido; Aquino (Ponce), Herrera e Fabian; Peralta (Raul Jiménez)
Técnico: Luis Fernando Tena

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

Aprenda a desenhar , rostos, mãos, pes, desenho da figura humana, seja um mestre da Arte do Hiper realismo, domine essa arte

Por; Juarez anunciação Me adiciona lá no facebook galera; https://www.facebook.com/juarez.anunciacao.16 Figura humana - Proporções O...